quarta-feira, 26 de agosto de 2015

Com medo de desabamento moradores abandonam prédios em Igarassu

Conjunto Residencial Santa Cruz, em Igarassu, apresenta rachaduras. Foto: Everson Teixeira/TV Clube

Celso Ishigami

Diário de Pernambuco

Preocupados com a situação estrutural de quatro blocos do Conjunto Residencial Santa Cruz, em Igarassu, dez das 128 famílias que moram ali deixaram seus apartamentos temendo que os prédios desmoronem. De acordo com a associação de moradores, há uma reunião marcada com representantes da Defesa Civil do município para às 9h desta quarta para se tentar chegar a uma definição em relação à possível evacuação do local.

Construído há 25 anos e sem ter passado por qualquer reforma desde então, o conjunto apresenta uma série de problemas estruturais, como rachaduras e vazamentos. No início do mês, as famílias de quatro dos 26 blocos do condomínio começaram a ouvir estalos e procuraram a prefeitura. Segundo moradores, funcionários da defesa civil municipal estiveram no local semana passada, mas não chegaram a emitir nenhum laudo.

Morador de um dos blocos que apresenta a estrutura mais deficiente, o professor Daniel Freitas disse ter recebido um conselho preocupante de um dos fiscais. “Ele disse que se morasse aqui, já teria saído”, contou. Foi a senha para que algumas famílias começassem a deixar os apartamentos. “Até agora, foram dez, mas todo mundo está com medo e pensando e ir embora. São 25 anos sem uma reforma. No silêncio da madrugada, qualquer um pode ouvir os estalos. É muito perigoso. Numa hora dessa, não dá pra pensar no imóvel. Temos que nos preocupar com nossas vidas realmente”, acrescentou.

A reportagem tentou entrar em contato com a defesa civil de Igarassu, mas não houve resposta aos telefonemas.

Postar um comentário