quinta-feira, 20 de agosto de 2015

MP apura e investiga abusos de prefeitos Pernambucanos

Do Diario de Pernambuco - Júlia Schiaffarino

Possíveis abusos no pagamento de diárias ao prefeito de Paudalho, José Pereira de Araújo (PSB), serão analisados pelo Ministério Público de Pernambuco (MPPE). Um procedimento investigatório foi instaurado esta semana pelo órgão, que também recomendou aos promotores do Estado que apurem suspeitas de irregularidades semelhantes em outras cidades.

A decisão foi motivada pela matéria veiculada no Diario de Pernambuco no dia 2 de agosto, quando foi denunciado o recebimento de altos valores por gestores de municípios do interior para cobrir despesas com viagens classificadas como a serviço. 

“Esse procedimento levou em conta a matéria do Diario e estamos verificando se há coisas semelhantes ocorrendo em outras cidades. Estamos trabalhando na perspectiva de um trabalho conjunto”, explicou o coordenador das Promotorias de Defesa do Patrimônio Público, Maviael Souza.

Ele explica que caso seja confirmada irregularidade, o prefeito poderá responder nas esferas civil e criminal. A reportagem apurou que, entre janeiro e maio deste ano, somente o prefeito de Paudalho recebeu R$ 17,4 mil para viagens. 

Postar um comentário