sexta-feira, 7 de agosto de 2015

Ninguem vai tirar a legitimidade que o voto me deu, diz Dilma sobre renúncia.

Dilma pela primeira vez em Roraima para entrega de casas do Minha Casa, Minha Vida. Foto: BlogdoPlanalto

Categórica, a presidente Dilma Rousseff (PT) afirmou nesta sexta-feira (7) que aguenta todo tipo de pressão e ameaças e que honrará os votos que recebeu. Um dia após os “panelaços” em todo o Brasil, durante a veiculação da propaganda partidária do PT, Dilma disse que ninguém tira a legitimidade dada a ela pelo voto.

O discurso foi feito em Boa Vista, capital de Roraima, durante a entrega de 747 moradias do programa Minha Casa, Minha Vida. “A primeira característica de quem honra o voto é que ele é fonte da minha legitimidade, e ninguém vai tirar essa legitimidade que o voto me deu”, afirmou a petista. As informações são da Folha de S. Paulo.

Ao relembrar os percalços enfrentados durante  o período da ditadura, Dilma voltou a dizer que “aguenta a pressão”. “Ao longo da vida eu passei muitos momentos difíceis. Sou uma pessoa que aguenta pressão. Sou uma pessoa que aguenta ameaça. Aliás, eu sobrevivi a grandes ameaças à minha própria vida”.

Postar um comentário