sexta-feira, 4 de setembro de 2015

Pernambuco ganha nova fábrica

PERNAMBUCO GANHA NOVA FÁBRICA DE ELETROPORTÁTEIS

O Groupe SEB, multinacional francesa do setor de eletroportáteis, investirá R$ 25 milhões na expansão de suas operações em Pernambuco, com uma nova fábrica no município de Jaboatão dos Guararapes. Em pleno funcionamento, serão empregados 211 profissionais. A ampliação irá reforçar a presença da marca Arno no País, especialmente no Nordeste. A assinatura do protocolo de intenções aconteceu nesta quarta-feira (13), na Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDEC). Participaram do ato, o secretário Thiago Norões, o presidente da AD Diper, Jenner Guimarães, o diretor Financeiro da América do Sul do Groupe SEB, Fábio Pinto de Carvalho, o diretor de Operações, Carlos Alberto Peres, e o vice-prefeito de Jaboatão dos Guararapes, Heraldo Selva.

“Esse novo investimento reforça o fato de que, apesar do ambiente macroeconômico desafiador, Pernambuco se mantém atrativo para a instalação e ampliação de atividades industriais nos segmentos de alimentos, bebidas, higiene e bens semiduráveis. São áreas diretamente ligadas à expansão dos últimos anos observada no mercado consumidor nordestino”, comentou Thiago Norões.

O Groupe SEB está presente em mais de 120 países. No Brasil possui três fábricas, sendo duas em São Paulo e uma em Pernambuco, no Recife, desde 2003. A empresa é líder mundial no mercado de eletroportáteis, tendo em seu portifólio 18 marcas, entre elas Arno, Clock, Panex, Rochedo, Penedo, T-Fal e Krups. Em 2014, o faturamento global do Groupe SEB alcançou € 4,2 bilhões (cerca de R$ 13 bilhões).

O Nordeste é apontado como estratégico para os planos de crescimento do grupo no Brasil, em especial para a marca Arno. Hoje, os nordestinos representam 20% do mercado nacional e a região é abastecida com produtos fabricados na unidade pernambucana.

A nova unidade ampliará em 112% a produção local. Tecnicamente, haverá a verticalização do processo de injeção de plásticos. Entre a assinatura do protocolo de intenções e o início de operações, o Groupe SEB estima um prazo de até 90 dias para começar a operar na nova unidade.

Fonte: www.sdec.pe.gov.br

Postar um comentário