sexta-feira, 9 de outubro de 2015

Executiva do PSB vai se reunir na próxima quarta para selar sua ida para a oposição

Carlos Siqueira - foto PSB Divulgação
Sob a presidência de Carlos Siqueira, a executiva nacional do PSB vai se reunir na próxima quarta-feira (14), em Brasília, para oficializar sua troca de lado: deixará a posição de “independência” em relação ao governo Dilma Rousseff para engrossar o campo da oposição.
Hoje, o partido se divide em três correntes. Uma ala apoia o governo, outra faz oposição e uma terceira se mantém equidistante.
De acordo com Carlos Siqueira, chegou a hora de o partido posicionar-se com clareza em relação ao governo.
Ele diz que a maioria da bancada federal já é a favor de fazer oposição a Dilma, mas quer que essa posição seja oficializada pela direção nacional do partido.
Se depender da vontade do governador Paulo Câmara, entretanto, o partido permanece onde está: independente, ora votando a favor, ora votando contra, dependendo da matéria.
Postar um comentário