quarta-feira, 11 de novembro de 2015

Dois executivos morrem na queda do Jato do Bradesco


A queda aconteceu entre 19h00 e 20h00 na região entre o povoado de Santo Antônio do Rio Verde, município de Catalão(GO), e a cidade de Guarda-Mor (MG). O avião tinha 4 ocupantes, 2 tripulantes e dois executivos do Bradesco. Todos morreram na queda.

No avião, estavam o presidente da Bradesco Seguros, Marco Antonio Rossi, e o presidente da Bradesco Vida e Previdência, Lúcio Flávio Conduro de Oliveira, segundo informações do jornal Valor.

Rossi, de 54 anos, também era vice presidente do Bradesco e era cotado para assumir a direção da instituição financeira.

As imagens do acidente mostram que o avião ficou totalmente destruído na queda e que todos os corpos foram carbonizados.  

Os executivos viajavam num jato Citation 7 que decolou de Brasília com destino a São Paulo, informou a Aeronáutica.

A moradora da Fazenda Chapadão, Carolina Lima de Oliveira, disse, ao jornal O Popular que “as chamas estavam muito altas logo após a explosão, mas agora já estão menores. Tentamos identificar alguma marca na aeronave, mas as peças estão muito destruídas e não conseguimos ver nada”.

Postar um comentário