quinta-feira, 19 de novembro de 2015

Homem é preso após roubar e tentar estuprar duas mulheres na BR-101

Foto: PRF/ DivulgaçãoA Polícia Rodoviária Federal (PRF) prendeu, na madrugada desta quinta-feira, um homem suspeito de riubar e tentar estuprar duas mulheres nas imediações da BR-101, no Recife.Por volta de 1h, uma mulher de 29 anos, sem roupas, chegou o posto da PRF do Contorno da rodovia, pedindo ajuda após ser ter o telefone celular roubado e ter sofrido uma tentativa de estupro. Enquanto a equipe prestava apoio à vítima, policiais foram ao local do crime, uma localidade conhecida como "Alça do ferro velho", na saída da Avenida Abdias de Carvalho para BR 101.

No local foram encontradas as roupas da vítima e, pouco tempo depois, o suspeito. Identificado como João Lucas Nascimento, de 32 anos, o homem chegou ao local em uma motocicleta, com outra vítima na garupa. Após uma tentativa de fuga, os suepito foi alcançado e com ele foram encontrados os pertences roubados das duas mulheres.

João Lucas foi encaminhado para a Delegacia da Mulher para responder pelos crimes de roubo e tentativa de estupro. Os agentes da polícia suspeitam que o homem seja o mesmo que, por diversas vezes, cometeu estes crimes no mesmo local.

UFPE-  Por volta das 20h do dia 29 de agosto, depois de descer de um ônibus às margens da BR-101, no caminho para seu apartamento, no Engenho do Meio, uma estudante da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) foi abordada por um homem, que pediu a mochila e disse que estava armado. Mesmo após entregar os pertences, a jovem continuou sendo seguida pelo assaltante, que colocou um braço sobre seu ombro, para não levantar suspeitas. Ao passar pelo terreno da UFPE onde fica instalada a antena da Rádio Universitária AM, o agressor estrangulou e estuprou a estudante, que se fingiu de morta para que o suspeito fosse embora para procupar ajuda. Além do trauma, a universitária ficou com vários hematomas pelo corpo, teve derrame ocular. Com medo, decidiu voltar para a cidade onde a família mora e desistir de estudar.

Postar um comentário