quarta-feira, 25 de novembro de 2015

Músicos que tocaram no FIG alegam atraso de pagamento, diz sindicato

Mais de 30 artistas fizeram uma denúncia ao sindicato nos últimos dias. Presidente diz que pagamento deveria ter sido feito após cerca de um mês.

Do G1 Caruaru

Público na penúltima noite do Festival de Inverno de Garanhuns 2015 (Foto: Paula Cavalcante/G1)

Alguns músicos que se apresentaram no Festival de Inverno de Garanhuns neste ano ainda não receberam os pagamentos dos shows, de acordo com o presidente Sindicato dos Músicos de Pernambuco (Sindimupe), Eduardo de Matos. Segundo ele, mais de 30 artistas fizeram uma denúncia ao sindicato nos últimos dias.

G1 solicitou uma nota à assessoria de Secretaria de Cultura do estado e à Prefeitura de Garanhuns sobre o assunto. Por e-mail, a assessoria da prefeitura informou que, segundo a Secretaria de Fazenda, "não há qualquer pendência relativa ao Festival de Inverno, nem qualquer outra demanda financeira de responsabilidade do município de Garanhuns em aberto". Já a secretaria estadual não enviou nenhuma resposta até a publicação da matéria.

O presidente do Sindimupe relata que os artistas deviam ter sido pagos de 30 a 40 dias após o evento. Ele protocou um ofício na  Secretaria de Cultura e na Fundação do Patrimônio Histórico e Artístico de Pernambuco (Fundarpe) solicitando uma resposta. "Tem gente em uma situação muito difícil. O artista pagou estúdio, músicos, transporte e alimentação. Os custos não esperam o dinheiro cair na conta".

Festival de Inverno
Cerca de 400 atrações culturais e um público total de 600 mil pessoas foram registrados durante os dez dias do 25º Festival de Inverno de Garanhuns (FIG), segundo informações da Secretaria de Cultura de Pernambuco (Secult/PE). O evento aconteceu entre os dias 16 e 25 de julho.

Postar um comentário