sexta-feira, 11 de dezembro de 2015

Operação Vidas Secas apura desvios de 200 milhões de reais


Por: Severino Motta

Obra interminável

A PF deflagrou nesta manhã a operação Vidas Secas, que apura desvios de 200 milhões de reais nas obras de transposição do Rio São Francisco.

Ao todo são realizados 24 mandados de busca e apreensão, quatro de condução coercitiva e quatro de prisão em nove estados.

Os investigadores apuram os desvios em contratos fechados por empresários do consórcio OAS/Galvão/Barbosa/Melo/Coesa. As apurações apontam que algumas empresas ligadas à organização criminosa estariam em nome de um doleiro e um lobista da operação Lava-Jato.

Os investigados vão responder pelos crimes de associação criminosa, fraude na execução de contratos e lavagem de dinheiro

Postar um comentário