segunda-feira, 8 de fevereiro de 2016

TCE multa gestor municipal de Escada por sonegar informações

A falta de informações sobre despesas decorrentes de contratação efetuada pela Secretaria de Infraestrutura do município de Escada, no ano de 2013, para aquisição de material de construção, levou o Tribunal de Contas do Estado – TCE a determinar pagamento de multa ao então diretor geral da secretaria, Karoly Feledy. 

O auto de infração, (Processo TC Nº 1401310-1), foi proposto pelo conselheiro Ranilson Ramos e homologado pela Primeira Câmara do TCE, por unanimidade, em sessão realizada na última quinta-feira (04).

De acordo com o voto do relator, o gestor sonegou informações à equipe técnica de engenharia da Inspetoria Metropolitana Sul do Tribunal, durante fiscalização feita na contratação efetuada – ata de registro de preços nº 02/2013, no valor de R$ 1.660.388,02. Após a análise da defesa do interessado, concluiu-se que as razões apresentadas não justificaram a ausência dos dados necessários ao trabalho do Tribunal.

Por essa razão, foi aplicada ao gestor multa de R$ 3.370,00, que deverá ser paga ao TCE em até 15 dias após o trânsito em julgado desta decisão.

com informações da Assessoria/TCE

Postar um comentário