quinta-feira, 5 de janeiro de 2017

Ex-prefeito tranca prefeitura antes de posse do sucessor na Bahia

O prefeito eleito de Milagres afirmou que mesmo empossado desde o dia 1º de janeiro, não está conseguindo trabalhar por causa do problema

JC Online

Com informações do G1 Bahia

Sede da prefeitura foi fechada com tapumes e cadeados
Foto: Reprodução/TV Subaé

Após derrota nas eleições municipais de 2016, o ex-prefeito da cidade de Milagres, na Bahia, Raimundo Silva Galego, trancou a sede da prefeitura com tapumes e cadeados antes da posse do seu sucessor, César Machado. 

Segundo a população do município, o prédio está fechado desde o dia 15 de dezembro. O prefeito eleito afirmou que mesmo empossado desde o dia 1º de janeiro, não está conseguindo exercer sua função no local por causa do problema.  As secretarias de precisaram ser transferidas para outros imóveis.

"Não nos foi entregue os documentos importantes e as informações pertinentes para dar continuidade à administração pública, de maneira que prejudicou totalmente a população de Milagres", afirmou o prefeito César Machado ao G1.

Restaurante popular também foi fechado em Milagres

O restaurante popular de Milagres, que atende cerca de 100 pessoas por dia, também foi fechado. A Secretaria de Saúde está funcionando nas salas desativadas de um hospital da cidade.

A nova gestão informou que vai notificar o ex-prefeito da cidade para que ele apresente os documentos comprovando que ele é donos dos imóveis. Se ficar comprovado, serão solicitado os contratos de aluguel ou de cessão dos imóveis à prefeitura durante a gestão dele. Ainda segundo o novo prefeito, o caso vai ser denunciado ao Ministério Público.

Postar um comentário