terça-feira, 31 de janeiro de 2017

Manifestantes fizeram o coro de ‘Fora Temer’ e enfrentaram forte esquema de segurança em Serra Talhada

Durante a sua visita a Serra Talhada, para inaugurar a unidade do Campus do IF Sertão, o presidente Michel Temer foi recebido com protesto por parte dos movimentos sociais e do PT local. Segundo os organizadores estiverem presentes caravanas vindas de mais de 20 cidades da região do Pajeú e Sertão Central. Entres os movimentos estavam presentes a Fetape, MST, CUT e o movimento estudantil. O ato ainda contou o reforço dos  vereadores serra-talhadenses Sinézio Rodrigues e Manoel Enfermeiro do PT.

Além de protestar contra a presença de Temer, os manifestantes trouxeram cartazes e faixas contra a reforma da previdência e da educação, muitos deles diziam que o presidente estava se apropriando de uma obra deixada pela sua antecessora, Dilma Roussef. Durante o movimento foram ditas palavras de ordem como: ‘Fora Temer’. ‘Temer, você não é bem vindo aqui’ e Fora golpistas! Alguns manifestantes ainda ensaiaram gritos de volta Lula.

CHOQUE E FORÇA NACIONAL 

O grupo que inicialmente era pequeno nas primeiras horas da manhã, logo foi crescendo com a chegada de várias caravanas.

À medida que aumentava o número de manifestantes, a preocupação da segurança presidencial também aumentava e começaram a colocar grandes de proteção para isolar os manifestantes, e em dando momento, recorreram à presença da tropa de choque para inibir os ânimos dos mais exaltados, apesar disso não houve confronto, apenas bate boca.

Já no final do evento a equipe presidencial, temendo um encontro da comitiva de Temer com os manifestantes, acionou a Força Nacional de Segurança, que chegou a se posicionar por duas vezes na porta da instituição de ensino.

Apesar da gritaria, a visita de Temer terminou de forma pacifica, no entanto, o presidente teve que ver e ouvir, tanto na chegada, como na saída, palavras e cartazes de reprovação ao seu governo. Farol de Notícias

Postar um comentário