quarta-feira, 4 de janeiro de 2017

No verão, camisas UV são opção para se proteger do sol

Verão leva pessoas à praia, mas cuidados devem ser tomados 
Foto: Diego Nigro/Arquivo/JC Imagem

Thiago Vieira
NE10

O ano de 2017 acabou de começar e as praias de Pernambuco seguem lotadas de pessoas que querem aproveitar ao máximo o verão. Por outro lado, a pele é quem mais sofre durante o período e dermatologistas alertam que é necessário redobrar a atenção. Neste ano, seguindo a tendência de anos passados, as camisas UV vêm sendo as preferidas de banhistas.

Elas funcionam como bloqueadores dos raios UV, que em contato intenso com a pele podem causar desde manchas até câncer. O motivo das camisas estarem sendo tão usadas é simples: praticidade. A representante comercial Daniele Lima explica que costuma frequentar a praia e que a vestimenta é uma facilitadora. "Comecei a usar esse tipo de camisa há cerca de três anos. Com ela eu coloco o bloqueador solar apenas nas outras partes, o que economiza tempo e esforço", contou.

Daniele também diz que troca a camisa a cada ano, e que sempre vai na loja em que conhece. A atitude é a recomendada por especialistas, que alertam sobre os riscos de comprar mercadorias falsas. "É importante conhecer a procedência do produto e não levar aqueles que não haja nenhum certificado de eficiência", destaca Julia Mendes, gerente da loja pernambucana Litoraneous, referência no mercado.

Arthur Henrique, Mariana Leite e Poliana Paz aderiram ao uso da camisaFoto: Thiago Vieira/NE10

Para oferecer a proteção ao consumidor, algumas fornecedoras dão o banho de dióxido de titânio no tecido. Essa forma porém diminui a durabilidade, já que com a lavagem vai saindo. A outra forma é aplicada diretamente no fio do tecido, fazendo com que os efeitos durem por muito tempo. "A proteção ficará na camisa. Cabe ao consumidor zelar e usar da forma correta, para que a proteção não acabe", alerta Julia. 

Uma dica é lavar com sabão neutro e evitar a lavagem em máquinas. O cloro usado em piscinas também danificam o produto. Com o efeito em dia, a camisa dispensa o uso dos bloqueadores solares na região coberta pelo tecido, mas tem gente que quer garantir. É o caso de Jailson Ferreira, vendedor que trabalha na praia. "Por trabalhar o dia todo exposto ao sol forte eu costumo colocar o bloqueador além da camisa, me dá mais segurança", conta.

O produto também ajuda quem já não gostava muito da exposição ao sol. "Eu não gostava de usar o protetor solar. Agora eu uso a camisa que me protege e preciso usar o bloqueador apenas nas outras partes, o que é mais rápido", conta o estudante Arthur Henrique, que veio acompanhado da mãe e de amigos, que também usam o produto.

Marcones Gomes comprou a camisa para seus filhosFoto: Thiago Vieira/NE10

Outra família que já aderiu à moda é a de Marcones Gomes, que comprou para ele e seus filhos se protegerem do sol. "Uso quando vou para a piscina, praia... sempre protege", disse.

O preço médio desse produto é de R$90, mas podem variar em relação ao modelo ou estampa

Postar um comentário