segunda-feira, 2 de janeiro de 2017

Possível filiação de Justus ao PMDB irrita integrantes do partido

Apresentador de TV pretende disputar as eleições presidenciais de 2018

© Beto Barata/PR

Uma possível filiação do apresentador de TV Roberto Justus ao PMDB vem causando conflitos internos no partido. Membros da legenda alegam que o publicitário tenta passar por cime de nomes que tinham intenção de se candidatar às eleições presidenciais de 2018.

As informações são da coluna de Monica Bergamo, do jornal Folha de S. Paulo, desta segunda.feira (2).

Caso o partido respeite os desejos de integrantes mais antigos, Justus dificilmente será o candidato do PMDB para a presidência. Outros opções, como a disputa pelo governo de São Paulo ou por uma vaga no Senado já têm nomes fortes: Paulo Skat e Marta Suplicy, respectivamente.

O apresentador tem se aproximado do presidente Michel Temer. Ainda de acordo com o jornal, ele vem conversando com o publicitário Elsinho Mouro, responsável pela imagem da legenda, e também faz parte do Conselho de Desenvolvimento Econômico Social de Temer.

Postar um comentário