terça-feira, 21 de fevereiro de 2017

Comunicador da Rádio Jornal faz desabafo diante da violência no Estado



Ciro Bezerra criticou a situação de insegurança em Pernambuco e fez apelo ao governador Paulo Câmara


Rádio Jornal

Foto: Reprodução/Facebook

Diante da madrugada de violência na Zona Oeste do Recife e da crescente situação de insegurança em todo o Estado, o comunicador Ciro Bezerra fez um apelo ao governador Paulo Câmara, que segue tratando a situação como "desconfortável". O jornalista desabafou durante o programa A Voz do Povo, transmitido nas primeiras horas desta terça-feira (21). Confira a fala completa abaixo:


Na fala, Ciro dá o recado: "Governador Paulo Câmara, hoje o senhor tem que sair de casa, ir ao Palácio, arregaçar as mangas e relembrar Eduardo Campos". O comunicador fez críticas, também, à necessidade do uso do polêmico vagão rosa no Metrô do Recife. "Mulheres violentadas, assassinadas, estupradas. Mulher não pode andar no metrô, tem que ter carro especial, voltamos ao mundo dos primitivos. Voltamos à Idade da Pedra, governador, onde a minha mulher vai ter que ir num vagão, num verdadeiro apartheid de gênero, porque se for no vagão que tiver homem, vai ser estuprada". 

Ação de quadrilha apavora moradores da Zona Oeste | Foto: Bobby Fabisak/JC imagem























Ele concluiu o desabafo lembrando sua posição de, acima de tudo, cidadão recifense. "Esse apelo é de um pai de família. De um comunicador, um radialista, mas pai de família, que está indignado com o que está vendo na terra em que ele nasceu e que quer viver com tranquilidade". 

Postar um comentário