segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017

Sem crise, Empetur pagou 120 mil reais por show de Alceu Valença no Parque do Ibirapuera em São Paulo

Foto: Davison nunes/JC Imagem

jamildo

Sem alarde, a Empetur pagou 120 mil reais para que os paulistas pudessem aproveitar um show do cantor Alceu Valença no Parque do Ibirapuera, em São Paulo, no último sábado (18).

O bloco “Bicho Maluco Beleza” foi um sucesso de público entre os moradores da cidade de São Paulo.

A autorização, para os recursos públicos do Estado de Pernambuco custearem este show para os paulistas, foi dada pelo ex-prefeito de São Lourenço da Mata, Angelo Albanez (PSB), nomeado pelo governador Paulo Câmara (PSB) para ser vice-presidente da Empetur, estatal de turismo do Estado.

Angelo Albanez é primo de Ettore Labanca (PSB), presidente da ARPE, ex-prefeito e ex-secretário estadual.

O bloco saiu graças aos recursos estatais de Pernambuco, após vários blocos terem que desistir de desfilar em São Paulo.

O novo prefeito de São Paulo, João Dória (PSDB), disse que não iam ser gastos recursos públicos dos paulistanos em blocos de fora de São Paulo. João Dória conseguiu triplicar os patrocínios privados, poupando os recursos públicos da cidade.

O prefeito de São Paulo resolveu inovar, cobrando uma taxa dos blocos de fora da cidade que quisessem desfilar, após constatar um lucro exorbitante dos blocos nacionalmente famosos.

João Dória cobrou uma taxa de R$ 240 mil dos blocos que forem estreantes na festa paulistana, queiram desfilar no pré-Carnaval e atraiam mais de 10 mil pessoas. Um dos blocos que teve que desistir de desfilar em São Paulo foi o “Bloco da Preta”, da cantora Preta Gil.

“Felizmente, o Estado de Pernambuco pode garantir a prévia dos paulistas, no Parque do Ibirapuera, com recursos públicos estaduais”, disse uma fonte da área cultural do governo estadual, em tom de clara ironia.

Dá o Loud homenageia Alceu Valença

Muita música, descontração e alegria. É o que o Dá o Loud, bloco anárquico-tecnológico do CESAR, promete levar para o Carnaval do Recife Antigo em seu 15º desfile. Com a saída marcada para sexta-feira, 24 de fevereiro, o ícone da música pernambucana Alceu Valença será o homenageado deste ano.

Como já é de tradição, a concentração começa às 12h, em frente à sede do CESAR, na Rua Bione.

A animação ficará por conta da apresentação de maracatu – conduzida por colaboradores do instituto – e também com o batuque irresistível da banda D’Breck, além do cantor Guilherme Conolly.

A saída do bloco está prevista para às 17h, com a orquestra do Maestro Mendes puxando o cordão, com frevos, pelo seguinte percurso: Rua do Brum, Rua do Observatório, Rua da Guia, Rua Vigário Tenório, Av. Alfredo Lisboa, Rua do Bom Jesus, Rua da Guia. O valor das camisas é de R$ 20

Postar um comentário