quarta-feira, 22 de março de 2017

Campanha em Ipojuca entra no campo da baixaria



Magno Martins


Aliados da candidata do PTB à prefeita nas eleições suplementares de Ipojuca, Célia Sales, denunciaram, há pouco, que o adversário da trabalhista, o tucano Carlos Santana, mudou sua estratégia política e adotou um tom mais agressivo, próximo ao que se pode classificar de baixaria. Segundo eles, na madrugada de hoje, apoiadores de Santana, segundo vídeos e fotografias enviados ao blog, promoveram uma forte distribuição de material com contrapropaganda ofendendo a honra de Celia.


Entre a chuva de panfletos, supostas reportagens caluniadoras. Ouvida pelo blog, Celia lamentou o ocorrido. ”Uma pena que meu adversário, desesperado, tente puxar o nível da campanha para baixo”, afirmou, adiantando que não recorrerá ao mesmo expediente. “Enquanto ele parte para ataques pessoais e baixarias, sigo conversando com o povo, realizando propostas e sugerindo uma nova Ipojuca”, disse. Os vídeos, segundo a assessoria da candidata, já estão em poder da Polícia Federal e do Ministério Público. “Se comprovada a autoria e materialidade, Santana pode ser condenado criminalmente”, afirmou Célia


Postar um comentário