quarta-feira, 22 de março de 2017

Sobrevivente da chacina de Caruaru em estado grave

Pai, mãe e irmã de Geraldo Filho foram mortos a tiros depois que a casa da família, na zona rural de Caruaru, foi invadida por quatro homens


É grave o estado de saúde de Geraldo da Silva Filho, de 23 anos. Internado no Hospital da Restauração (HR), no Recife, ele recupera-se de uma neurocirurgia. Geraldo é o único sobrevivente de uma chacina que vitimou sua família.

Seu pai, mãe e irmã foram mortos a tiros depois que a casa da família, no Sítio Lagoa do Paulista, zona rural de Caruaru, foi invadida da noite desta terça-feira. Após roubar duas motos e outros pertences das vítimas, os quatro suspeitos atiraram contra todos os presentes.

Joselma Pereira da Silva, de 52 anos, e a filha, Maria Madalena Pereira da Silva, de 24 anos, morreram na hora. O pai, Geraldo José da Silva, conhecido como Nilson, de 61 anos, foi socorrido para o Hospital Regional do Agreste (HRA), em Caruaru, mas não resistiu aos ferimentos e faleceu. Os corpos foram encaminhados para o Instituto Médico Legal (IML) de Caruaru. Geraldo também foi socorrido no HRA e transferido para o HR.

Policiais do 4º Batalhão da Polícia Militar foram ao local do crime e realizaram diligências. Ninguém foi preso até o momento. O caso está sendo invesigado pelo delegado Márcio Cruz


Postar um comentário