quarta-feira, 12 de abril de 2017

Não duplicação de BR denunciada pela oposição


Magno Martins


Nas entrevistas que os deputados da caravana da oposição concedem, neste momento, em Santa Cruz do Capibaribe, a primeira denúncia formal diz respeito à paralisação das obras de duplicação da BR-104, que liga Caruaru a Pão de Açúcar, no trevo de entrada para Santa Cruz. Segundo os deputados Silvio Filho (PRB), Augusto Cesar (PTB), Álvaro Porto (PSD), Joel da Harpa (PTN), Socorro Pimentel (PSL) e Julio Cavalcante (PTB), a duplicação só foi feita de Caruaru até Toritama.


"Trata-se de uma promessa de mais de dez anos", disse o deputado Augusto Cesar, informação reforçada pelo líder Silvio Costa Filho. Os deputados disseram que o governador autorizou em 31 de outubro do ano passado as obras da duplicação do trecho entre Toritama a Pão de Açúcar, investimento da ordem de R$ 90 milhões, sem que tenha aparecido uma só máquina no local.


Na parte da tarde, a caravana de oposição visitará a estrada e também a PE-160, que liga Pão de Açúcar a Santa Cruz, com apenas 9 km. Também estarão na Rodoviária e no prédio abandonado no centro em que foram instaladas câmeras de monitoramento para registrar ocorrências policiais. Também estarão na Compesa, para levantar informações sobre o abastecimento de Santa Cruz, através do Sistema Pirangi, em Catende. Hoje, o abastecimento de água da cidade é muito precário. Água nas torneiras só dois dias por mês


Postar um comentário