quinta-feira, 6 de abril de 2017

Polícia confirma que vizinho foi autuado em flagrante por matar fisioterapeuta



Edvan Luiz da Silva praticava artes marciais e arrancou a roupa de Tássia Mirella, de 28 anos

Por: Júlia Montenegro, com informações de Luiz Filipe Freire 


Edvan Luiz da Silva é o suspeito de assassinar brutalmente fisioterapeutaFoto: Reprodução/Facebook


O empresário do ramo de cosméticos Edvan Luiz da Silva foi autuado em flagrante por assassinar a fisioterapeuta Tássia Mirella Sena Araújo, de 28 anos. O anúncio foi feito na manhã desta quinta-feira (6), durante coletiva de imprensa realizada pela Polícia Civil de Pernambuco. Segundo o delegado Francisco Océlio, que comanda as investigações, a mulher foi morta por esgorjamento (corte na parte da frente do pescoço).

Segundo o delegado Edvan, que é casado e pratica artes marciais, usou a força para arrancar a roupa da vítima. No chão do apartamento, calcinha, short e absorvente estavam espalhados. Para Océlio, este foi o primeiro indício de que ela teria sido vítima de uma tentativa frustrada ou consumada de violência sexual.

O investigador informou que o crime se trata de feminicídio, já que os dois não tinham relação afetiva. "Ele mesmo disse, em entrevista preliminar, que cruzou com a vítima apenas duas vezes", comentou Océlio

Postar um comentário